Domingo, 15 de Abril de 2012
Via Dolorosa

          

           Depois da visita à igreja de Santa Ana e aos Tanques de Bethesda que tantas vezes Jesus visitou e ali curou doentes, dirigimo-nos para a vizinha Porta de Santo Estêvão para dali,  junto ao mosteiro da Flagelação, iniciar a Via Sacra em direcção ao Calvário, recordando e meditando nas suas catorze Estações cujas ultimas cinco já ficam localizadas no interior da igreja do Santo Sepulcro. 

           Como disse, a Via Dolorosa é uma rua da Cidade Velha de Jerusalém que começa na Porta de Santo Estêvão ou do Leão, na parte ocidental da cidade, e que termina no Santo Sepulcro. De acordo com o tradição cristã, teria sido este o caminho que Jesus Cristo percorreu com a cruz. Tratando-se de um facto histórico, não importa se rigorosamente foi ou não este o trajecto autentico, pois pode acontecer que uma vez decorridos mais de 2000 anos e durante os quais a cidade já foi por mais que uma vez foi arrasada, muito do seu original já se tenha perdido. De qualquer modo os restos arqueológicos, e até a diversidade de cultos que ali se verificam, atestam verdade e crédito ao que ressaí à vista e nos emociona os sentidos 

           Ao encontro da Via Dolorosa

 

          Já na Via Dolorosa

 

          Temos assim, a Iª Estação que fica num espaço sob custódia da Igreja Católica Apostólica Romana; e a IIª é assinalada pelo Arco Ecce Hommo 

           A  IIIª recai em espaço sob alçada do Pariarcado Arménio 

           IVª Estação

           Vª Estação, aquela que muitas vezes nós recordamos, quando a cruz nos aparece sem nós contarmos com ela...

 

          Como a  VIª que um oratório Greco-Católico assinala, também a VIIIª Estação, na parede de num mosteiro ortodoxo, mais a IXª, que uma colona romana à entrada de um mosteiro copta mostra, são marcos em que a Via Dolorosa nos recorda o martirio de Jesus Cristo, com a Cruz a caminho do Calvário.

 

          Pátio de entrada no templo do Santo Sepulcro

           Com diversos oratórios, num deles foi celebrada a Eucaristia do dia, mesmo antes de concluir a Via Sacra que veio depois com a subida ao Calvário e a visita ao Sepulcro. Que como disse já tudo decorre no interior do templo.

          No interior do oratório onde a celebração eucarística decorreu.



publicado por aquimetem às 15:02
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


posts recentes

Vão a Ávila com a Bajouca...

Não poder aproveitar

À Verde Pino

Visita à Terra Santa

De visita a Jerusalém

Muro das Lamentações

Basílica do Santo Sepulcr...

Via Dolorosa

Dentro das muralhas

De Ein Karem ao Menorah

arquivos

Maio 2015

Agosto 2013

Junho 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

tags

todas as tags

favoritos

paula-travelho

Boletim ou Folha - 1

Bodas de Prata duma Prela...

O valor a quem o tem !

Razões para uma escolha

Os manos

BTT- Fisgas de Ermelo - S...

Coisas que não esquecem

Errar é próprio do homem

Laranjeiras

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds