Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

toumilo

toumilo

06.03.12

Monte Tabor

aquimetem

          Despertados às 05h15 para levantar e tomar o pequeno almoço, eram 06h00 e já nós aqui a sair do hotel sobranceiro ao Mar de Tiberíades com destino ao Monte Tabor. Meia hora depois da partida estávamos num dos patamares desse santo relevo que pelo facto da estrada ser muito estreita e sinuosa, em vez dos autocarros, o acesso ao cimo do monte é feito de taxi a cargo uma empresa que tem esse exclusivo.  

          Monte Tabor

          Meia hora depois estávamos junto a um pequeno  bazar onde forma a fila para conforme a ordem de chegada entrar numa das muitas carrinhas que sobem e descem com os peregrinos. O espírito economista que caracteriza do povo judeu até aqui ressai no para poupar material e combustível as viaturas não fazem a descida em vão....procuram não descer vazias. Como resultado, demorou mais tempo à espera do taxi do que a viagem de Tiberíades ali.

           A subida é curta e o parque é vizinho deste portão que dá acesso a Basílica da Transfiguração, onde chegamos eram 07h10. Lugar santo, confiado aos franciscanos, o Monte Tabor faz parte da rota peregrina dos Milagres de Jesus. Deste local nos relata São Mateus (17:1-3): " Seis dias depois, Jesus tomou Consigo Pedro, Tiago e João, seu irmão, e llevou-os em particular, a um alto monte. Transfigurou-Se diante deles; o Seu rosto resplandeceu como o Sol, e as Suas vestes tornaram-se brancas como a luz."

 

           A meio da avenida no jardim residencial da ordem franciscana um busto de Paulo VI assiná-la uma visita deste Sumo Pontifice ao histórico lugar.

 

           Construída no local onde segundo a tradição cristã se crê que Jesus se transfigurou na presença de Pedro, Tiago e João, esta basílica foi acabada de construir em 1924, sobre as ruínas de uma antiga igreja bizantina do séc.. IV e de outra do séc. XII, época dos cruzados.

             Cripta da Transfiiguração

           No estrado do altar da cripta que em rampa se vê ao fundo, e um cordão impede de visitar durante as celebrações eucarísticas, uma janela vidrada no tablado deixa ver rocha do tempo e sítio da Transfiguração de Jesus Cristo. Numa escapadela ainda consegui colher esta recordação.

           Sobre a cripta o altar-mor  e na cupula alusão ao milagre da transfiguração 

          Anexo ao emparedamento sul da  basílica o arruamento e as ruínas das antigas construções que do varandim miradouro melhor se podem observar.

          Aqui, mosaicos ainda bem visíveis da época bizantina, e  paredes que remontam às anteriores igrejas.

 

           No varandim-miradouro aproveitou-se para louvar a Deus por tanta beleza e mistério colocar aqui ao dispor dos nossos olhos. Também a mão do homem e a inteligência deste povo que actualmente explora as produtivas terras ao redor desta santa colina são merecedores de especial louvor.  A 575 metros acima do nível do mar, e a oeste do Mar da Galileia, cerca de 17km, é esta a visão que do Tabor se colhe sobre o vale de Jizrael. Um sonho! Razão tinha São Pedro para querer ficar ali

 

           Vale de Jizrael

          Vale de Jizrael

          Às 08h20 já descidos do Monte da Transfiguração do Senhor (Monte Tabor) e acomodados no nosso autocarro, a tomar a direcção do Rio Jordão.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Fazer olhinhos